Por que separar a água e óleo?

Sabemos que a a água causa muitos danos quando emulsionada no óleo. Ao entrar no óleo, a água não se dilui completamente, formando uma emulsão. Dessa maneira, partes da molécula de água são capazes de causar reações químicas no interior do óleo, que, por sua vez, terá impacto sobre a máquina no qual estiver inserido. Para isso precisamos de uma solução eficiente para remover a água do óleo.

As reações de oxidação desencadeadas pela presença da água, portanto, têm efeitos nocivos no equipamento e no próprio óleo. Os mais comuns são: separar água e óleo

  • Ferrugem e corrosão: metais expostos à água e ao oxigênio formarão óxidos metálicos com o tempo, podendo ocasionar descamação na superfície metálica e, assim,  provocar desgaste por abrasão no sistema.
  • Cavitação (bolhas de vapor): bolhas de vapor ou as cavidades no fluido são formadas quando a pressão de um sistema (em pontos de sucção das bombas, por exemplo) é menor que a pressão de vapor da água. Se atingirem zonas de alta pressão do sistema, essas bolhas implodem e se condensam novamente, retornando ao estado líquido. Esse evento pode gerar grande força e causar fadiga superficial e erosão no ponto do colapso.
  • Fragilização por hidrogênio: rachaduras em metais de alta resistência podem ser induzidas por moléculas de hidrogênio. Neste caso, a água presente no óleo vai prover o hidrogênio que desencadeará tal processo de fragilização.
  • Redução das propriedades lubrificantes: a viscosidade do óleo aumenta com o incremento da pressão. Essa característica é fundamental para as partes móveis que operam sob alta pressão, garantindo a formação do filme de óleo sobre as superfícies metálicas em contato. A viscosidade da água não aumenta com a pressão, o que implica maior atrito entre partes móveis, causando desgaste e fadiga no material quando existir excesso de umidade no óleo.
  • Hidrólise: a água causa degradação do óleo e de aditivos por meio da hidrólise, reação química em que uma molécula  se liga a uma substância. Por exemplo, lubrificantes cuja base seja o éster contaminado por água podem sofrer reação e ser transformados em ácidos e álcoois. A reação de hidrólise é acelerada na presença de calor, de partículas de metal ou de ácidos.
  • Diminuição da efetividade dos aditivos protetores: a oxidação pela água é favorecida na presença de calor, oxigênio e metal. Quando ocorre tal reação, serão formados agentes oxidantes e compostos de radicais livres, componentes reativos. A função dos aditivos, neste caso, é impedir neutralizar esse processo. Quando há excesso de umidade, porém, as moléculas de água reduzem a disponibilidade dos aditivos, aumentando a oxidação. Além disso, a água pode ligar-se às superfícies metálicas hidrofílicas ou deslocar os aditivos polares na superfície dos metais.
  • Espuma no óleo: a contaminação por água é uma das causas de espuma e entrada de água. Água e oxigênio podem causar os problemas já descritos de oxidação, redução de propriedades lubrificantes e cavitação.

Filtro separador de água e diesel: 5 benefícios

1º GARANTIA E RESISTÊNCIA

O POC é duplamente mais resistente, na parte interna as paredes de aço oferecem maior resistência à ação corrosiva do óleo diesel. Já na parte externa a pintura eletrostática garante acabamento anticorrosivo permitindo que o produto possa ser utilizado especialmente em ambiente externo. O purificador possui vida útil de 6 anos e garantia de fábrica de 2 anos.

2º LIMPEZA EFICIENTE

O POC é uma excelente solução como filtro separador de água. Seu sistema de drenagem consegue eliminar grandes quantidades de contaminação o que permite a remoção de 99% da água e contaminantes em geral (até 10 micras) terra, areia, ferrugem, limalhas, defensivos agrícolas, dentre outros;

3º OPERAÇÃO SEM COMPLICAÇÃO

O POC é de fácil instalação e operação. Pode ser utilizado em tanques de abastecimento por meio da gravidade ou através de bombeamento. Já a versão para máquinas e equipamentos é utilizado como pré-filtro separando com grande eficiência a água presente no diesel deixando o combustível limpo para a combustão.

4º INVESTIMENTO CERTO

O POC é um equipamento compacto e de baixo custo, é um sistema de filtragem que não utiliza refil ou elemento filtrante por isso é mais econômico. Sua alta eficiência em retirar água e partículas sólidas (até 10 mícrons) evita a saturação precoce dos filtros originais, além de proteger bicos e bombas de injeções, evitando manutenções não programadas.

5º EQUIPAMENTO VERSÁTIL

O POC adequa-se em qualquer modelo e marca de motor, pode ser dimensionado para atender qualquer vazão de filtragem de combustível. Para atender a demanda de abastecimento e distribuição de combustível sua vazão pode ser dimensionada entre 50 a 2000 litros por minuto. Já para máquinas e veículos o dimensionamento pode ser feito para motores de baixa e alta vazão, entre 4 a 12 cilindros, variando o consumo entre 35 a 220 litros por hora.

Filtro separador de água e diesel: aprenda a controlar os danos da contaminação.

Os filtros POC e Austech realizam essa função com excelência. Os purificadores POC são capazes de retirar até 99% de água presente no óleo diesel, além de contaminantes de até 10 micras. Os equipamentos Austech são sistemas de microfiltragem de óleos diesel e lubrificante. A função deles é semelhante à de um sistema POC, entretanto com granulometria bem menor (partículas de até 2 micras). Em ambos os casos, os filtros vão proteger as máquinas dos danos referidos no item anterior.

Fale com um especialista em Filtragem e Microfiltragem de combustíveis.

Faça uma consultoria gratuita sobre filtro separador de água e diesel.

 

Scroll to Top
× Como podemos ajudar? Available from 08:00 to 18:00 Available on SundayMondayTuesdayWednesdayThursdayFridaySaturday