Diálise de óleo hidráulico: o que é e quando fazer

Semelhantemente à de óleo diesel, a diálise de óleo hidráulico tem semelhança com a hemodiálise, como princípio da filtragem do sangue pelos rins, só que a diálise é feita com fluidos. No caso do óleo hidráulico, a sua limpeza é ainda mais crítica, uma vez que 70% a 80% das falhas nos sistemas hidráulicos são causadas por problemas originados de contaminação por partículas ou umidade no óleo.

Diálise de óleo hidráulico

Todo sistema hidráulico requer a instalação de filtros ao longo de seus pontos críticos, que em geral são as linhas de retorno e as linhas de pressão. Os mais comuns são os filtros instalados na linha de retorno, particularmente no caso de máquinas móveis, como tratores e escavadeiras. Além desses locais, os filtros podem ser instalados fora da linha, ou off-line.

Em razão da importância da limpeza do fluido hidráulico, é comum que sejam feitas combinações de sistemas de filtragem caso a caso. Os filtros internos ao circuito hidráulico são capazes de reter partículas grandes e médias, ao passo que as partículas finas e ultrafinas são retidas pelos sistemas externos de filtragem.

VÍDEO: máquina diálise de óleo diesel.

Esses, a seu turno, podem ser chamados de filtros bypass (do português “contornar”), e recebem tal nome por desviarem o fluxo do óleo do sistema hidráulico e, consequentemente, dos filtros internos para o interior da máquina de diálise. Por esse motivo, um sistema de diálise de óleo hidráulico requer uma bomba exclusiva.

diálise de óleo hidráulico

Em virtude de não estar inserido dentro do sistema hidráulico, o equipamento de diálise não está submetido às variações de pressão e de fluxo de óleo inerentes ao circuito. Portanto, é capaz de realizar microfiltragem confiável sem acrescentar pressão ao conjunto hidráulico em operação.

VANTAGENS DA DIÁLISE DE ÓLEO

Então, a principal vantagem da filtragem por diálise de óleo hidráulico é a retenção de partículas mais finas, porém nocivas, que não são capturadas pelo sistema de filtros acoplados à máquina em sua fabricação. Isso ocorre porque, graças à configuração da dobradura do elemento filtrante, esse sistema tem maior capacidade de retenção e demora mais tempo para entupir do que outros filtros mais simples.

Em geral, os filtros comuns retém contaminação entre 20 e 25 micras. Os filtros POC retém partículas de até 2 micras na microfiltragem e diálise.

1 micra é o mesmo que dividir 1 milímetro por 1000. Um fio de cabelo tem espessura de 75 micras. Quanto menor a micra, menor é o tamanho da partícula.

Todo óleo hidráulico tem certa quantidade de contaminação, mesmo quando novo. Processos inerentes de degradação (oxidação, nitração, acidificação), porém a contaminação por umidade, partículas e bactérias são inevitáveis e podem atingir níveis que comprometam a qualidade do óleo e exponham o sistema hidráulico a falhas, panes ou mesmo à perda total.

A maior parte dessas contaminações ocorre no tanque de armazenamento. Por isso, o fluido hidráulico deve constantemente ser analisado e, se necessário, submetido a uma limpeza por meio de sistemas como a diálise de óleo hidráulico.

Estima-se que aproximadamente 70% a 80% das falhas hidráulicas ocorram por consequências negativas da contaminação do óleo. Nesse sentido, a qualidade da filtragem terá influência determinante sobre a saúde da máquina. Diferentemente do sistema de filtragem do corpo humano, a diálise em óleo hidráulico precisa de atenção e cuidado especializados, visto que não se dá automaticamente. Além dos efeitos destrutivos nos componentes do sistema, a contaminação no óleo hidráulico tem diversas consequências negativas, tais como:

  • Perda de energia e capacidade de lubrificação.
  • Perda da capacidade de transferência de calor, causando sobreaquecimento em componentes e falhas no sistema hidráulico.

Visto que a potência hidráulica é a força primária em grandes projetos (colheita da madeira, extração e transporte de minério, construção de rodovias, dentre outros), paradas de equipamentos móveis e estacionários podem resultar em perdas significativas na produção, como também em gastos inesperados.

Benefícios da diálise periódica

A escolha correta do sistema de filtração ideal para seu sistema hidráulico traz como consequência a melhoria dos processos produtivos como um todo. Dentre os benefícios que você vai usufruir ao realizar a diálise de óleo hidráulico rotineiramente, destacamos os seguintes:

  • Redução da perda da produtividade e da produção;
  • Diminuição dos custos de manutenção;
  • Redução de custos com reposição ou reparo de peças;
  • Redução de custos com descarte e reposição do óleo;
  • Aumento na vida útil da máquina e do óleo, entre outros.

Recomenda-se a filtragem sistemática em especial no caso de sistemas produtivos que não podem parar em função dos altos custos fixos envolvidos com máquinas fora de operação, além das perdas na produção. Posto que frotas grandes de equipamentos de porte significativo usam volumes massivos de óleo hidráulico, todas as possibilidades de cortes de custos e diminuição de períodos de parada para manutenção importam podendo impactar diretamente na competitividade da empresa.

No caso de sistemas hidráulicos, a qualidade da limpeza desses é essencial para garantir a eficiência, a eficácia e a confiabilidade do planejamento e da execução dos projetos. Assim, a diálise de óleo hidráulico é tanto essencial quanto estratégica para o sucesso do empreendimento ao qual esteja associado o maquinário que use força hidráulica. Nesse sentido, a limpeza do óleo garante o funcionamento dos motores em condições ótimas, minimizando perdas nos motores e na produção, além de diminuir a pegada ecológica da frota.

Diálise de óleo hidráulico é investimento

Por fim, a diálise de óleo hidráulico é um sistema de filtragem que deve ser instalado fora da linha de circulação inerente ao equipamento. Em função dessa configuração, ele não está submetido às variações de pressão e de fluxo que ocorrem com a operação do circuito. O sistema off-line faz uso de recursos tecnológicos mais avançados, sendo por isso capaz de reter partículas mais finas de contaminantes que o sistema de filtragem interno não foi capaz de fazê-lo.

A diálise de óleo hidráulico é um investimento que permite corte significativo de custos com manutenção, substituição e descarte desses fluidos, uma vez que prolonga a vida útil tanto do óleo quanto da máquina. Por esse motivo, a instalação de um sistema de diálise é crítico em sistemas hidráulicos, mais sensíveis ainda à contaminação por água e partículas.

Faça agora mesmo uma cotação da POC Filtros e saiba como a diálise de óleo hidráulico pode cortar seus gastos com manutenção, além de reduzir o impacto ambiental da sua empresa.

diálise

Rolar para cima
× Como podemos ajudar? Available from 08:00 to 18:00 Available on SundayMondayTuesdayWednesdayThursdayFridaySaturday