Separar água do óleo em tratores: 11 dicas para evitar essa contaminação

É preciso separar a água do óleo porque as operações agrícolas e florestais estão sujeitas a muitas intempéries climáticas e do terreno. Fatores como sol, vento, chuva, terrenos de difícil acesso, estradas ruins interagem para tornar a atividade no campo ainda mais pesada e complexa. Nesse contexto, agrava-se o risco de contaminação por água no óleo em tratores trazendo diversos riscos e problemas para o maquinário.

Com alguns cuidados, porém, é possível contornar essas dificuldades e transformá-las em oportunidades para a melhoria do fluxo de trabalho e o consequente ganho na produtividade. Veja como os filtros podem colaborar com os gestores nessa tarefa.

Filtro que separa água do óleo diesel

Principais problemas acarretados pela presença da água no óleo combustível:

O óleo diesel contaminado por água é altamente prejudicial às máquinas, uma vez que compromete o funcionamento do motor como um todo, afetando-o de várias maneiras. Vejamos:

  • Comprometimento da potência do motor;
  • Desgaste na bomba de combustível;
  • Saturação dos filtros antes do programado;
  • Oxidação/corrosão de peças metálicas;
  • Desequilíbrio da pressão interna no sistema;
  • Avarias nos bicos injetores;
  • Manutenção mais frequente;
  • Dificuldades no arranque;
  • Aumento da atividade microbiana;
  • Aumento no consumo de combustível em razão da combustão ineficiente;
  • Alteração das características físico-químicas do diesel.

água no óleo

 

A origem da água no óleo em tratores

A água é um dos principais contaminantes de óleos em veículos de motor a combustão. Para separar a água do óleo em tratores, é necessário conhecer de onde vem a contaminação, para só então tomar medidas de manutenção. Veja alguns pontos de origem da água no óleo.

De acordo com especialistas POC Filtros, as três origens mais comuns de contaminação do diesel são a água, as micropartículas suspensas, tanques não completos de combustível e o uso inadequado de combustível misturado.

  • Condensação no interior dos tanques: com a grande variação de temperatura a que os tratores estão sujeitos, esse processo pode ocorrer também em locais de armazenamento ou até durante o uso.
  • Óleo combustível de má qualidade: apesar das regulações da ANP, alguns fornecedores podem misturar mais água do que o recomendado ao óleo diesel.
  • Tanques de transporte e armazenamento não apropriadamente lavados: quando for realizada a higienização dos reservatórios, deve-se secá-los bem, para evitar que os óleos aí armazenados se contaminem por água residual.
Como evitar a água no óleo em tratores: breve manual de boas práticas rotineiras

Todo óleo contém certo grau de contaminação suportável. No entanto, esses níveis devem ser mantidos dentro de padrões aceitáveis. Os limites, por sua vez, são regulados por normas específicas e dependem do tipo de óleo. Confira algumas práticas que podem ajudar a prolongar a vida útil do combustível do seu trator.

  1. Faça análises periódicas de óleo para conhecer o grau de degradação dos fluidos de motor e crie uma boa rotina de manutenção em suas máquinas.
  2. À noite, quando a umidade do ar é maior, mantenha o tanque cheio, evitando que o diesel absorva água do ambiente.
  3. Se o tanque do seu trator tiver recipiente separador de água, lembre-se de limpá-lo uma vez por mês.
  4. Escolha bem o filtro separador de água no diesel. Um filtro de qualidade vai preservar o motor de suas máquinas por mais tempo. Esse dispositivo pode ser instalado na entrada do tanque (pré-filtro) ou no final.
  5. Leia o Manual do Proprietário para saber o período de revisão e de troca de óleos e filtros do seu trator. Tratores florestais e agrícolas costumam ter esse período mais curto, já que circulam em estradas de terra e fazem muito esforço mecânico em suas atividades diárias. Isso pode causar desgaste no motor. Isto é, os filtros de tratores são muito solicitados, devendo ser dispensados a eles cuidados especiais.
  6. Não lave os filtros, pois isso poderá danificá-los e comprometer sua filtragem. O sistema deve ser substituído conforme orientação do fabricante.
  7. Recomenda-se limpar o tanque de combustível anualmente e substituí-lo a cada três anos ou quando houver sinais de corrosão ou outros danos.
  8. No caso de você ter instalado um sistema de filtro com sedimentador, retire-o e limpe-o periodicamente, analisando também a qualidade do combustível.
  9. Preste atenção à origem dos combustíveis para evitar a aquisição de óleos contaminados; mesmo os óleos misturados com biodiesel devem seguir proporções estabelecidas pela Agência Nacional do Petróleo (ANP) a fim de assegurar que não haja danos por contaminação de água em seu motor.
  10. No caso de combustíveis com aditivos, certifique-se de que provêm de refinarias. Isso garantirá a qualidade do óleo, visto que esse terá sido fabricado conforme as normas. O mesmo vale para postos de abastecimento.
  11. Quando for completar o reservatório, tome cuidado com a vedação da boca do tanque, bem como com o encaixe de marcador de nível.
Cuidados com o tanque de armazenamento:
    • Drene-os diariamente, já que a presença de água em óleos combustíveis favorece a proliferação de micro-organismos.
    • Escolha tanques que não sejam feitos de ligas metálicas que contenham cobre, latão e bronze, visto que esses aceleram a oxidação e a formação de impureza.
    • Vede bem as entradas e as saídas.
    • Não exponha os tanques a altas temperaturas. O calor acelera reações químicas que causam degradação e formação de contaminantes.
    • Limpe os tanques de dois em dois anos.
    • Evite armazenar o óleo por muito tempo, uma vez que ele pode sofrer processo de degradação natural ao longo do tempo. Isso compromete suas propriedades físico-químicas pela formação de sedimentos que podem entupir os filtros.
Ganhe qualidade ao cuidar dos filtros

Escolher o filtro adequado para seu sistema vai garantir que não haja perda de potência do motor quando for separar a água do óleo em tratores. Por esse motivo, deve-se optar por sistemas de filtragem recomendados pelo fabricante, que igualem ou sejam melhores do que o sugerido. Isso proporcionará a qualidade da prestação de serviços de manutenção, além de melhorar o seu fluxo de trabalho e diminuir a água no óleo em tratores.

Conforme pudemos observar, separar a água do óleo em tratores é uma atividade essencial que deve ser conduzida com cuidado, de maneira sistemática e rotineira. A contaminação por água, que pode ter origem em diversas fontes, pode causar o comprometimento das propriedades físico-químicas do óleo diesel, além de favorecer a proliferação de micro-organismos.

A instalação de um sistema de filtragem, por outro lado, previne inúmeros problemas que poderiam surgir da presença de água no óleo. Assim, separar a água no óleo em tratores é indispensável, em razão do trabalho intenso e das intempéries diárias sofridas por esse tipo de equipamento.

Saiba qual o melhor filtro para seus tratores fazendo gratuitamente uma cotação da POC Filtros.

fale conosco

Rolar para cima
× Como podemos ajudar? Available from 08:00 to 18:00 Available on SundayMondayTuesdayWednesdayThursdayFridaySaturday